QUEM AMA, É FELIZ

Você é feliz? Se você ama, então pode responder que sim. A felicidade que cada um busca só pode ser encontrada no amor. Não há outro lugar onde ela resida. Impossível ser feliz sem amar. Quem acredita que pode ser no ódio, na ira, no rancor, engana-se e destrói-se um pouquinho a cada nascer do sol. O sentido da vida é ser feliz plenamente no amor. O amor dá um sentido novo à vida de qualquer pessoa, faz novas todas as coisas. Nada é antigo ou ultrapassado para o amor. A felicidade é sempre nova e se renova a cada manhã em que somos capazes de agradecer. Quem afirma não conhecer o que seja felicidade não conhece o que é o amor. Quem será capaz de implantar no coração do homem tamanha felicidade?
Somente o amor. O amor gratuito, incondicional, verdadeiro; amor oblação. O fim último do homem é a felicidade com Deus. Mas essa felicidade já pode ser vivida aqui se o amor estiver presente em todas as suas atitudes.

QUEM AMA, DÁ PRESENTES

O maior de todos os presentes, fruto do amor, é a cumplicidade. Não entendo o amor de outra forma. Mas quem ama, presenteia. Não que o bem material seja tão importante quanto uma palavra carinhosa, não é isso. Afinal, o amor é simples. Mas oferecer um presente é sinal de dedicação. Quantas pessoas não fazem isso todos os dias? Ah, quando o marido chega a sua casa e descobre que a esposa fez aquele almoço gostoso, simples, mas cheio de amor, que belo presente!
E a retribuição se faz necessária. Basta dizer: “Que almoço delicioso você preparou!’’
Pronto.  Ambos se deram presentes que motivaram o amor. Não importa se eram pedras preciosas ou um simples almoço. O importante é vir carregado de amor, de cumplicidade, de carinho. Quem ama, só quer ver o outro feliz, mais nada. E é tão fácil fazer o outro feliz! Ah, se todos aprendessem essa lição! Alguém já disse que o Menino Jesus, quando nasceu, recebeu presentes dos reis magos, gostou e está, até hoje, esperando o seu! Não precisa ser ouro, incenso ou mirra! Mas dê-lhe um presente!

 

Pe. Rogério Canciam