QUEM AMA, CONTEMPLA

            Á tardinha, contemplar o pôr do sol, sentir a brisa tocar o rosto, ouvir o cantar dos pássaros e  meditar na infinita bondade do Criador! Quem ama busca refúgio e solidão para contemplar a majestosa obra da criação divina. Fica em silêncio e deixa o coração falar. Contemplação é isto: é deixar sua alma imensa na  imensidão do amor. Só quem ama de verdade pode encontrar no silêncio da contemplação a revelação dos mistérios divinos. E a maior revelação é esta: Deus está dentro de nós, vivendo em nós, amando em nós, contemplando em nós, Não somos deuses, mas quando amamos, estamos em comunhão com todo o universo e  com aquele que o criou. Na correria do dia a dia, o homem não encontra tempo para a contemplação e, se não contempla, não encontra respostas para as dúvidas do coração. Será que não está na hora de ‘‘silenciar’’ seu coração?


           

Pe. Rogério Canciam